21/05/2022

6:28 AM

Afegãs são impedidas de viajar sem companhia de um homem da família

O governo talibã volta a impor regras à liberdade das mulheres. Desta vez, as autoridades decretaram que as mulheres afegãs estão impedidas de viajar se não estiverem na companhia de um homem da família.

A ordem foi dada pelos talibãs às companhias aéreas.

A medida foi tomada depois do adiamento da volta das jovens ao ensino secundário e depois da decisão, nesse fim de semana, de criar dias específicos para homens mulheres poderem frequentarem, separadamente, jardins e outros espaços públicos.

Na semana passada, o porta-voz adjunto do governo talibã, Inamullag Samangani, disse que as escolas do 7º ao 12º ano (dos 12 aos 18 anos de idade) continuariam fechadas. O anúncio foi feito no dia em qua as escolas reabririam, após as férias de inverno.

Dezenas de milhares de jovens deviam regressar ao ensino secundário, cerca de sete meses depois de o regime talibã ter subido ao poder e restringido os direitos das mulheres à educação e ao trabalho.

Os talibãs tinham afirmado que precisariam de tempo para garantir que as adolescentes fossem separadas dos rapazes e que as escolas funcionassem de acordo com os princípios islâmicos.

Em sete meses de governo, eles impuseram várias restrições às mulheres, que se viram excluídas de empregos públicos, controladas na forma de vestir e proibidas de viajar sozinhas para fora da cidade onde vivem.

 

Por Agência Brasil

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.