07/07/2022

5:35 AM

Banco Central promoverá evento para renegociar dívidas bancárias ainda este ano

O presidente do Banco Central anunciou nesta quarta-feira (20), durante audiência pública na Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional, a iniciativa de um mutirão para renegociação de dívidas bancárias. Os clientes das agências poderão participar de oficinas de educação financeira, com vistas a evitar opções de crédito que possuam juros elevados.

A possibilidade de limpar o nome e a abertura às linhas de crédito com juros mais baixos durante os feriados de fim de ano devem atrair muitos clientes, além de integrá-los a um novo sistema de pontuação de crédito.

“Quem fizer o curso, acabará tendo uma classificação de crédito superior atrelada ao ganho de pontos que gerem desconto em produtos financeiros”, afirmou o Presidente do BC.

Um  novo sistema de pagamentos 24/7 somar-se-á ao TED e ao DOC. Estes últimos possuem lenta compensação: o DOC compensa no dia útil seguinte ou em até dois dias úteis, e o TED em até 30 minutos para operações realizadas antes das 17h.  O novo sistema instantâneode pagamentos a demanda por dinheiro que circula em espécie. “Os pagamentos instantâneos devem estar funcionando no fim do ano que vem. O dinheiro vai sair de uma conta para outra, independente de quem seja, empresa ou pessoa física, 24 horas por dia, sete dias por semana”, afirmou Roberto Campos Neto.

Os juros do cheque especial também serão alvo de iniciativas do BC, visto que é alta a inadimplência nessa modalidade de crédito e que as cobranças decorrentes de dívidas dessa natureza são as que mais levam tempo para serem sanadas pelas vias administrativa e judicial.

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.