04/07/2022

3:11 AM

CEM 2 de Ceilândia aprova 23 alunos no vestibular; 19 vão para a UnB

O clima é de comemoração e orgulho no Centro de Ensino Médio 2 de Ceilândia (CEM 2). A escola teve 19 alunos aprovados na Universidade de Brasília (UnB), com o resultado da primeira chamada do Programa de Avaliação Seriada (PAS). Além das aprovações, a felicidade é em dose dupla. Uma estudante ficou em primeiro lugar no curso de letras.

Jéssica Eveline Saraiva Araújo, 18 anos (foto em destaque), não acreditou quando viu o nome na lista de aprovados. Nas redes sociais, a jovem comemorou a primeira colocação no curso dos sonhos. “Não vou falar das dificuldades de morar na periferia de Brasília, estudar na rede pública e as inúmeras outras complicações e injustiças que existem nesse processo seletivo, por mais que sejam tão relevantes. Essa é uma conquista coletiva, eu não passei sozinha e jamais conseguiria isso”, comentou.

A expectativa do diretor do CEM2, Eliel de Aquino, é de que o número de aprovações cresça quando sair o resultado das próximas chamadas.

“Temos um grande projeto com aulões e plantões de dúvidas específicos para a UnB. Em relação ao PAS, nós nos empenhamos em trabalhar as obras literárias e a redação. Depois disso, o resultado vem”, comemora.

A escola homenageou Jéssica com uma faixa na fachada da escola: “Jéssica, você é nosso orgulho. A educação transforma”. Em publicação nas redes sociais, o CEM 2 relembrou que a jovem foi a primeira a presidir o Grêmio Estudantil Marielle Franco. “Temos a certeza de que fará muito mais pela educação dentro da universidade”, comemorou a escola.

As aprovações são em cursos superiores variados, como química, saúde coletiva, história, psicologia, nutrição, pedagogia, engenharia de software, letras e outras graduações. Os estudantes deverão ingressar na UnB no segundo semestre de 2022.

Além de estudantes aprovados na Universidade de Brasília, dois passaram no vestibular do Instituto de Educação Superior de Brasília (Iesb). Dois alunos, que passaram em educação física e gastronomia, não tiveram o nome da universidade divulgado pela lista do Sindicato dos Professores do Distrito Federal (Sinpro-DF).

 
 
Por Metrópoles

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.