04/07/2022

3:45 AM

Contas públicas têm rombo recorde de R$ 126,6 bilhões

O Tesouro Nacional divulgou nesta segunda-feira (29) que as contas públicas do governo federal fecharam o mês de maio com déficit de R$ 126,6 bilhões. O resultado foi o pior já registrado na série histórica, iniciada em 1997. O rombo nas contas públicas é formado quando os gastos superam as receitas.

“O déficit de maio é explicado, principalmente, pela redução significativa na arrecadação, combinada com o aumento nas despesas do Poder Executivo decorrentes de medidas de combate à crise de covid-19, bem como da antecipação do pagamento do 13º de aposentados e pensionistas”, disse o Tesouro, em relatório.

No caso das despesas, o Tesouro destaca as medidas de combate à pandemia, que somaram R$ 53,4 bilhões em maio. “Destaque para o auxílio emergencial a pessoas em situação de vulnerabilidade social (R$ 41,1 bilhões), o Benefício Especial de Manutenção do Emprego e Renda (R$ 6,5 bilhões) e as despesas adicionais do Ministério da Saúde e demais ministérios (R$ 4,4 bilhões)”, explicou o Tesouro.

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.