18/08/2022

8:25 AM

Coronavírus contabiliza 9 mortes na China

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Um surto de coronavírus matou nove pessoas na China, e o número de casos registrados até a noite de terça-feira (21)  aumentou para 440, alertaram as autoridades locais. Todas as mortes ocorreram na província de Hubei, onde as primeiras doenças foram relatadas em dezembro de 2019.

Segundo o vice-diretor da Comissão Nacional de Saúde da China, Li Bin, as evidências mostraram que a doença foi transmitida pelo trato respiratório, e existe ainda uma grande possibilidade de mutação viral. Isso significa que o vírus é contagioso e pode se espalhar de pessoa para pessoa por meio de tosse, inalação ou espirro.

Os sintomas iniciais do novo coronavírus incluem febre, tosse, dor de cabeça falta de ar, calafrios e dores no corpo. Os casos mais graves podem levar à pneumonia, insuficiência renal e até morte.

Até o momento, não há tratamento para o novo vírus.

A população da cidade de Wuhan, a principal área afetada, foi aconselhada a evitar multidões e reuniões públicas.

Quinze trabalhadores médicos foram infectados pelo vírus, disse a Comissão Municipal de Saúde de Wuhan. Quatorze deles, um médico e 13 enfermeiros, foram infectados por um único paciente que havia sido internado no hospital para um procedimento de neurocirurgia.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) deve declarar Emergência de Saúde Pública de Interesse Internacional (PHEIC) em resposta ao surto.

 

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.