25/05/2022

10:19 PM

Covid-19: Anvisa autoriza dobrar o número de voluntários na última etapa da vacina de Oxford

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou hoje (15) a inclusão de mais 5 mil voluntários nos estudos da última etapa de desenvolvimento da vacina de Oxford no Brasil, antes de sua aprovação e posterior registro.

O recrutamento de voluntários e a aplicação da vacina acontecerão em Natal (RN), pelo Centro de Pesquisas Clínicas de Natal (CPCLIN), em Porto Alegre (RS), pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e em Santa Maria, também no estado gaúcho, pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). A novidade é que agora não há mais limite de idade.

Podem ser voluntários adultos acima de 18 anos que sejam profissionais de saúde e trabalhadores que desempenhem funções em ambientes com alto risco de exposição: como motoristas de ambulância, seguranças de hospitais e agentes de limpeza desses estabelecimentos.

Como já acontece com os outros 5 mil já recrutados, todos receberão duas doses da vacina e serão acompanhados de perto pelos pesquisadores.

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.