26/05/2022

9:39 PM

Covid-19: estudo com 50 mil pessoas aponta eficácia da vacina chinesa, diz Doria

O governador de São Paulo, João Doria, afirmou nesta quarta-feira (23), em entrevista coletiva, que a CoronaVac, candidata a imunizante contra a covid-19, apresentou segurança e eficácia na fase 3 dos testes com 50 mil voluntários na China. A vacina está sendo desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan.

“Estudos clínicos comprovam a segurança da CoronaVac. Cerca de 94,7% dos mais de 50 mil voluntários testados na China não apresentaram nenhum sintoma adverso em relação à CoronaVac. Os resultados na China mostraram baixo índice, de apenas 5,3%, de efeitos adversos e de baixa gravidade. A maioria destes casos apresentou apenas dor no local da aplicação da vacina. Efeitos adversos de baixa gravidade são comuns em vacinas”, informou Doria.

O estado de São Paulo prevê ter 60 milhões de doses do produto até fevereiro de 2021. As primeiras cinco milhões devem chegar em outubro e, até o fim do ano, a expectativa é ter 46 milhões.

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.