02/07/2022

8:30 AM

Covid-19: Tipo sanguíneo e genes estão associados a risco de casos graves

O estudo científico divulgado no The New England Journal of Medicine na semana passada, afirma que o tipo sanguíneo e outros fatores genéticos de uma pessoa podem ter ligação com a gravidade de uma infecção pelo novo coronavírus. Esse estudo tem o objetivo de explicar o porquê a covid-19 atinge mais duramente algumas pessoas do que outras.

Os pesquisadores, liderados pelos médicos Andre Franke, da Universidade Christian-Albrecht de Kiel, na Alemanha, e Tom Karlsen, do Hospital Universidade de Oslo, na Noruega, descobriram uma relação entre a gravidade da covid-19 e o tipo sanguíneo. O risco de casos graves de covid-19 é 45% maior para pessoas com sangue tipo A do que pessoas com outros tipos sanguíneos, e parece ser 35% menor para pessoas com sangue tipo O.

“A esperança é que esta e outras descobertas apontem o caminho para uma compreensão mais abrangente da biologia da covid-19”, escreveu Francis Collins, diretor dos institutos nacionais de Saúde dos EUA e especialista em genética.

“Elas também sugerem que um exame genético e o tipo sanguíneo de uma pessoa podem fornecer ferramentas úteis para identificar aqueles que podem correr mais risco de uma doença grave”.

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.