19/08/2022

2:06 AM

Em discurso, Trump ataca China na Assembleia Geral da ONU

O presidente americano, Donald Trump, em seu discurso nesta terça-feira (22) da Assembleia Geral da ONU, voltou a atacar a China acusando o país de ser o principal responsável pela pandemia do novo coronavírus. O republicano voltou a chamar o Sars-Cov-2 de “vírus chinês”, afirmando ser um inimigo invisível.

“Nos primeiros dias do vírus, a China fechou-se para viagens domésticas, mas permitiu que as pessoas saíssem da China e infectassem o mundo”, disse Trump. Em seguida, ele pediu para que a ONU responsabilize os chineses.

Os Estados Unidos são atualmente a nação mais afetada pela pandemia do novo coronavírus, com quase 7 milhões de casos confirmados da doença. Trump disse que o país está buscando a vacina e que, quando o medicamento estiver pronto, vai “distribuir a vacina, vencer o vírus e acabar com a pandemia”.

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.