04/07/2022

2:11 AM

Em Samambaia, Ibaneis entrega campinho e assina termo de concessão

O governador Ibaneis Rocha (MDB) entregou, na manhã desta quarta-feira (27/4), a reforma de um campo de grama sintético, localizado no Conjunto 17 da QR 421, em Samambaia. O espaço de esporte e lazer foi reinaugurado completamente recuperado, e a expectativa é de beneficiar toda a vizinhança.

A reforma foi custeada com recursos da Secretaria de Esporte e Lazer e de emenda parlamentar da deputada Celina Leão.

“Fizemos a entrega desse campo de futebol, a criançada gosta e a gente sabe que, quando agrada os filhos, agradamos os pais, também. Onde você tem esporte você afasta as drogas. É muito importante esse trabalho que vem sendo realizado pela Secretaria de Esportes e também pela depurada federal Celina Leão”, comentou o emedebista.

A obra consistiu na instalação do gramado sintético e a reforma da estrutura do alambrado. Na ocasião, Ibaneis Rocha inaugurou o campo com o corte da fita e entregou chuteiras às crianças que praticam futebol no espaço.

Termo de concessão

Após inaugurar a reforma do campo de grama sintético na QR 421, em Samambaia, Ibaneis Rocha entregou termo de concessão a 79 moradores do Morro do Sabão, na mesma região administrativa. A cerimônia ocorreu na QN 431, no prédio da Subadministração.

“Nós temos uma área onde existe a determinação para que sejam retiradas todas essas famílias, e estamos trabalhando para fazer a remoção deles da melhor maneira possível. Foram localizados alguns terrenos que serão entregues para essas famílias para que a remoção seja feita a partir desta sexta-feira (29/4). É um problema de quase uma década que está sendo resolvido neste momento, e vamos fazer isso de uma maneira muito humanitária”, destacou o governador.

O diretor-presidente da Codhab, João Monteiro, explicou que as famílias foram cadastradas pela Secretaria de Desenvolvimento Social e classificadas como vulneráveis. Elas receberão seus lotes na Quadra 209 do Sol Nascente.

“A gente acredita que vai oferecer para a comunidade uma condição mínima de dignidade nessa mudança. As demais famílias da região terão as situações individuais avaliadas e serão inclusas dentro da política habitacional do GDF”, detalhou.

Professores

Questionado sobre a assembleia dos professores, que ocorre na manhã desta quarta-feira (27/4), na Funarte, o chefe do Palácio do Buriti classificou a reivindicação como “meramente política”.

“Nós sabemos da pré-candidatura da presidente do Sindicato dos Professores e o que ela está tentando fazer é um movimento político, utilizando um grupo específico, que são os professores. Sabemos que o que foi possível conceder, que era a terceira parcela, foi dada. Criamos o plano de saúde dos servidores, e sabemos que estamos fazendo o melhor para a população”, disse Ibaneis,

Ibaneis comentou que espera dos professores não adesão à greve. “Eles sabem da necessidade das crianças e dos adolescentes, que ficaram dois anos sem aula, e a importância de recuperar o período que foi perdido”, ressaltou.

 

Por Metrópoles

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.