21/05/2022

2:12 AM

Estudos científicos sobre a Covid-19 colocam as crianças em foco

Diversos estudos científicos apontam que as crianças tendem a desenvolver sintomas leves da Covid-19, doença decorrente do novo coronavírus. De acordo com informações do jornal americano The New York Times, uma das teorias recorrentes nestes estudos é que as crianças têm pulmões mais saudáveis que os adultos, pois foram menos expostas à poluição. Contudo, um estudo realizado com 2.143 pacientes menores de 18 anos na China indicou que 6% dos pequenos apresentaram infecções graves, principalmente entre os bebês.

Um estudo publicado na revista científica Pediatrics mostrou que um terço dos casos deu positivo para o coronavírus. O restante foi classificado como casos suspeitos, com base nos sintomas e na possibilidade da criança ter sido exposta a pessoas infectadas. 

Os dados do estudo apresentam que cerca de 50% das crianças apresentaram sintomas leves: febre, fadiga e tosse, enquanto 39% delas tiveram sintomas moderados, como pneumonia e problemas no pulmão. Enquanto 125 crianças (6%) apresentaram quadro clínico grave, dentre elas 11% tinham menos de um ano e 7% de 1 a 5 anos.

“Esse cenário nos mostra que devemos preparar os hospitais para as crianças. Não podemos descartá-las”, afirmou Srinivas Murthy, professor da Universidade da Colúmbia Britânica, em Vancouver, Canadá.

Deixe um comentário

Estudos científicos sobre a Covid-19 colocam as crianças em foco

Digite ou cole aqui o seu post!

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.