03/07/2022

1:54 PM

EUA: milhares de motoristas ficam parados em estrada coberta de neve

Por: Agência Brasil

O percurso rotineiro de trabalho do senador norte-americano Tim Kaine de sua casa, na Virgínia, para Washington, na segunda-feira (3), se transformou em uma provação de 27 horas. Uma nevasca interrompeu o tráfego em importante via ao sul da capital do país, deixando ele e milhares de motoristas sem comida e água no frio congelante.

A Interestadual 95 – uma das vias mais movimentadas da Costa Leste – ficou fechada por horas em ambas as direções perto de Fredricksburg, cerca de 89 quilômetros (km) ao sul de Washington, depois que a região foi coberta por até 30 centímetros de neve, informou o Departamento de Transporte da Virgínia.

O tráfego no trecho de 76 km da I-95 parou por volta das 20h de segunda-feira (no horário local) e não voltou a se mover até a tarde dessa terça-feira.

Durante a noite e bem depois do amanhecer, centenas de caminhões e outros veículos ocuparam a estrada congestionada, enquanto os motoristas ficavam cada vez mais desesperados com a situação e irritados com o que parecia ser uma resposta lenta das autoridades.

Kaine, candidato democrata de 2016 a vice-presidente, foi um dos motoristas presos na via.

O senador chegou a Washington 27 horas depois de deixar Richmond, disse seu diretor de comunicações. Kaine afirmou à CNN que não comeu ou bebeu nada desde a saída na segunda-feira.

Equipes de emergência estadual e local trabalharam durante a manhã e a tarde para retirar as árvores derrubadas, ajudar os veículos com problemas e redirecionar os motoristas, disse ontem o governador Ralph Northam. 

Northam e o Departamento de Transporte da Virgínia foram duramente criticados por não chamar a Guarda Nacional. Alguns pediram ao presidente Joe Biden para mobilizar recursos federais a fim de resgatar motoristas presos e reabrir a rodovia.

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.