28/05/2022

7:44 AM

Geraldo Alckmin é indiciado por lavagem de dinheiro e corrupção

A operação Lava Jato da Polícia Federal indiciou ontem (16) o  ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, pela suspeita de lavagem de dinheiro, caixa dois eleitoral e corrupção passiva.  
 
O indiciamento aconteceu no inquérito da Lava Jato que investigava, no âmbito eleitoral, as doações da empreiteira Odebrecht. Diretores da empresa afirmaram ter repassado mais de R$ 10 milhões, via caixa 2, às campanhas de Alckmin em 2010 e 2014.
 
A defesa de Alckmin divulgou em nota que o indiciamento do ex-governador “foi injustificável e precipitado” e “feriu o direito da ampla defesa”. 

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.