21/05/2022

6:52 AM

Jovem é hospitalizada com suspeita de coronavírus em Minas Gerais

O Ministério da Saúde está investigando um caso de suspeita de coronavírus em Minas Gerais. O Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou nesta terça-feira (28) que a pasta investiga uma estudante de 22 anos que estava em Wuhan, na China, e apresenta sintomas “compatíveis” com os da doença. A paciente desembarcou em território brasileiro no dia 24 de janeiro.

De acordo com Mandetta, a jovem está num hospital de alta organização na área de infectologia, e todas as 14 pessoas que tiveram contato com a estudante também estão sendo monitoradas.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) está fazendo um levantamento para verificar todos os outros viajantes que estavam no mesmo voo da China para o Brasil. O voo fez escalas em Paris e São Paulo (Guarulhos).

O ministro informou que a paciente monitorada afirmou que em sua viagem não fez visita ao mercado de peixes da cidade, e que não teve contato com nenhuma pessoa doente. A Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais, informou que a jovem passa bem.

O surto da doença já provocou 106 mortes da China, e o número de infectados já passa de 4,5 mil. O maior número de mortes foi registrado na província de Hubei, onde fica a cidade de Wuhan, epicentro da contaminação. Até o momento, 15 países em 4 continentes já confirmaram casos importados da doença.

 

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.