19/08/2022

2:47 AM

PSL se reúne nesta terça-feira em executiva nacional após anúncio da saída do presidente Bolsonaro

Nesta terça-feira (19), o PSL se reunirá em Brasília para decidir o destino do partido após a saída do presidente Bolsonaro. Serão eleitos pela legenda 15 membros da Executiva Nacional, incluindo presidente e dois vices.

No mês passado, Bolsonaro disse a um apoiador para “esquecer” o PSL, acrescentando que Luciana Bivar, presidente do partido, está “queimado para caramba”. Essa declaração desencadeou uma crise, dividindo os apoiadores dele e os de Bivar.

O presidente da República anunciou a criação de uma nova sigla na semana passada, chamada Aliança pelo Brasil.

Nereu Crispim (RS), deputado do PSL, afirmou que a reunião tem o objetivo alinhar o partido depois da saída do presidente e que as brigas ocorridas internamente não significam ruptura com o governo.

“O partido e seus deputados vão continuar a votar as pautas do presidente, que foram divulgadas durante a campanha. Não houve nada de rupturas”, declarou.

Deixe um comentário

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.