26/05/2022

8:30 PM

Russo bicampeão olímpico é suspenso por apoio à invasão da Ucrânia

O nadador russo Evgeny Rylov, duas vezes campeão olímpico em Tóquio nos 100 m e 200 m costas, foi suspenso por nove meses pela Federação Internacional de Natação (FINA), por seu apoio à invasão da Ucrânia. A comissão disciplinar da FINA decidiu suspender Rylov por nove meses, “depois de sua presença em um evento que aconteceu no estádio Lujnki, em Moscou, em 18 de março de 2022. A suspensão passa a ser válida em 20 de abril de 2022”, anunciou a FINA em um comunicado.

Para celebrar os oito anos da anexação da Crimeia ucraniana depois da revolução pró-ocidental em Kiev em 2014, a Rússia organizou, no último 18 de março, um encontro multitudinário no estádio Lujniki, em Moscou. O evento reuniu 95.000 pessoas no interior da arena, e 100.000, do lado de fora. Vários esportistas russos de renome, entre eles o nadador, participaram desse ato. “Infelizmente, a política nefasta que busca politizar o esporte continua”, lamentou o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, ao comentar a decisão da FINA.

 

Por Uol Notícias

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.