20/05/2022

12:13 AM

Zelensky lamenta morte de jornalista em bombardeio: ‘Patriota e sincero’

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, lamentou a morte do jornalista Oleksandr Makhov, 36, soldado das forças armadas, após um bombardeio russo. Segundo Zelensky, a morte ocorreu na região de Kharkiv, nas batalhas perto de Izium. Ele manifestou “sinceras condolências” aos familiares e amigos do jornalista.

“Patriota e sincero (…) ele sempre esteve entre os corajosos”, disse o presidente em vídeo publicado nas redes sociais na noite de ontem. Na gravação, Zelensky se dirigiu ao filho do jornalista, Vladyslav, e disse que a Rússia será responsável pela morte. “Definitivamente vamos ganhar. Tenho certeza que era o sonho de Oleksandr. E vamos torná-lo realidade. Memória eterna para ele e para todos os nossos heróis que deram a vida pela Ucrânia”, continuou ele.

O portal Ukrinform também homenageou o repórter, lembrando que Makhov era “um jornalista talentoso que decidiu escolher a defesa da pátria”. O porta-voz do governo de Odessa, Sergey Bratchuk, fez também uma publicação no Telegram em memória do jornalista, que já trabalhou nos canais TV Ukraina e Ukraina 24, além de ter sido correspondente militar. “Hoje, meu bom amigo Oleksander Makhov, brilhante jornalista, voluntário e corajoso soldado, deu a vida defendendo a Ucrânia. Descanse em paz, irmão”, escreveu Sergey Bratchuk.

 

Por Uol Notícias

Copyright 2022 Resumo da Imprensa © Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Prima Vista Comunicação.